PORTO ALEGRE – Fim das carroças atinge 80 mil catadores de lixo, empresa privada passará a coletar o lixo, e quem pagará a conta será o trabalhador

Integrante da coordenação do Movimento Nacional dos Catadores de Material Reciclável (MNCR), Alex Cardoso, denuncia que com a retirada dos catadores da rua, uma empresa privada passará a coletar o lixo, e quem vai pagar a conta será o trabalhador

O projeto de lei que elimina as carroças de Porto Alegre foi aprovado nesta terça-feira (16) na Câmara de Vereadores. A medida prevê o fim da circulação de veículos de tração animal em oito anos. A votação teve 22 votos favoráveis e 12 contra.

No entanto, o que mais preocupa os catadores é a emenda aprovada que inclui na lei a eliminação dos veículos de tração humana. O integrante da coordenação do Movimento Nacional dos Catadores de Material Reciclável (MNCR), Alex Cardoso, afirma que a previsão de 50 mil trabalhadores afetados com a lei aumentou para 80 mil.

Cf. versão integral em: Agência Brasil de Fato

leia também:

Projeto em Porto Alegre tenta proibir trabalho dos catadores

Comentários