pena que nem toda chuva possa ser guardada


Bom haver alguns à esquerda 
a confiarem no seu guarda-chuvas de programa de lutas 
ao que se seguirá após colapso petista 
para o qual tão se lixando.

Sabemos todos o quão estamos muito interessados
nas décadas de crítica e autocrítica e posts 
e papers e teses e manifestos que se seguirão
e não serão poucos, até hoje disputam o ciclo 1917-1923.

Afinal, nada como os  massacres após uma derrota 
para atiçar a imaginação da resistência, não é?

Ah, essa militância imaginária realmente existente 
é realmente muiiiito fofa...

.

Comentários