Vida danificada? Dos farelos que temos, duvido que ainda haja espaço para o pensamento



Olha, de boa, o Sensacionalista vai ter de fechar.

Depois do "leite de barata" mais nutritivo que leite de búfala (sic) e cuja produção já está a caminho, agora... "Máquina consegue transformar urina em água potável"


Os pesquisadores explicam que o dispositivo foi testado em um festival de música que durou 10 dias. Eles conseguiram coletar resíduos suficientes para obter mil litros de água potável. Segundo eles, a substância deve ser usada para preparar cerveja.


Para o futuro, a ideia é instalar o equipamento, em versões maiores, em locais de alto tráfego de pessoas, como aeroportos e estádios."


Aí vem aquelas dúvidas mais bestas: lá pela décima vez que for mijada, ela será então quase um diamante das cervejas? e a cada nova degustação, a cerveja, por já ter sido mijada antes, a cada nova rodada será ela então metamijada?  


"Meta"mijada? Isso abre nova frente aos programas de pós-graduação com olhar multidisciplinar, agora também em diálogo com a área de gastronomia e degustação.


Sabe o Adorno, que já denunciava a vida danificada, e apontava em Kafka o mérito de tomar como matéria de sua obra exclusivamente o que é recusado pela realidade?


Pois é... 


Enquanto isso, do outro lado do mundo...


Comentários